Ácido hialurônico


Os preenchimentos não cirúrgicos são indicados em pacientes que desejam melhorar o contorno facial e revitalizar a aparência, camuflando sulcos e rugas

Ácido hialurônico

Além dos preenchimentos cirúrgicos com a gordura do próprio paciente, existem diversos produtos disponíveis para a realização de preenchimentos não cirúrgicos, tais como: ácido hialurônico, colágeno e polimetilmetacrilato (PMMA).

Preenchimentos feitos com ácido hialurônico e colágeno são absorvíveis ou temporários, enquanto que preenchimentos com PMMA são em parte inabsorvíveis ou semipermanentes. Quanto menor a duração do produto, maior a margem de segurança do procedimento, considerando-se a possibilidade de efeitos indesejados e de reações à substância aplicada. Não é raro preenchimentos permanentes migrarem de um local para outro e causarem reações teciduais. O ácido hialurônico ainda é considerado a substância mais segura para preenchimentos não cirúrgicos, podendo ser injetado na derme ou abaixo dela.

O ácido hialurônico já existe no organismo e é produzido e degradado diariamente. Como produto, apresenta-se na forma de gel viscoso e seu efeito dura de 6 meses a 1 ano. Novas aplicações são necessárias para se mantiver o efeito desejado. Os preenchimentos não cirúrgicos são indicados para o rejuvenescimento e melhora de contornos de áreas não muito grandes. Dessa forma, são úteis para: (1) rejuvenescimento da face através da atenuação de sulcos e rugas mais profundas ou estáticas (exemplos: rugas glabelares, rugas em volta dos lábios e no canto da boca, sulcos nasogenianos ou “bigode chinês”), (2) correção de olhos encovados, (3) aumento dos lábios e das maçãs do rosto, (4) aumento do queixo, (5) rejuvenescimento do dorso das mãos com atenuação dos espaços interdigitais, (6) tratamento de cicatrizes deprimidas, etc. O procedimento é realizado em ambulatório sob anestesia tópica (creme ou gel anestésico) ou bloqueio de nervos sensitivos.

Ácido hialurônico

Técnica Cirúrgica

• Marcação das áreas em que serão preenchidas.
• Antissepsia + aplicação de anestésico tópico ou bloqueio de nervos sensitivos (não se injeta anestésico diretamente na área a ser preenchida).
• Injeção da substância nas áreas marcadas, preenchendo-as.

 

O procedimento é minimamente invasivo e as atividades diárias podem ser retomadas imediatamente. É contraindicado esfregar ou massagear as áreas tratadas, praticar esportes ou se deitar logo após o procedimento, pois a substância pode se espalhar para outra área.

 

FAQ - Perguntas Frequentes: Ácido hialurônico

O preenchimento com ácido hialurônico é indicado em mulheres e homens para o rejuvenescimento (camuflagem de sulcos e rugas, revitalização da aparência) e melhora de contornos de áreas não muito grandes.

Adultos.

Até trinta minutos.

Complicações são raras. Dentre eles podemos citar: assimetria, coleções de sangue (hematoma), vermelhidão e manchas roxas (equimoses), dor nos locais das injeções, erupção cutânea, dormência ou sensibilidade temporária, paralisia temporária dos músculos faciais. A embolização de vasos com a substância injetada é muito rara.

O resultado é imediato, com melhora da definição 48 horas após a aplicação devido à regressão do edema local. O ácido hialurônico integra-se aos tecidos e possui a capacidade de atuar sobre o equilíbrio hídrico, captando e restituindo a água, aumentando o volume e revitalizando as áreas tratadas. O seu efeito dura de 6 meses a 1 ano, pois aos poucos é absorvido pelo organismo. A realização de aplicações anuais, inclusive antes do desaparecimento total do efeito, mantém visíveis os benefícios do tratamento.

 

Agende uma consulta

Este é apenas um pré-agendamento. A consulta será confirmada por um atendente. Aguarde nosso contato.

 





O Corpo


Escolha e clique em qualquer área do desenho abaixo para saber mais sobre uma cirurgia ou procedimento.