fbpx

Conheça mais sobre a técnica de transplante capilar

por Dr. Fernando Rodrigues |  30 de maio de 2020
Conheça mais sobre a técnica de transplante capilar

A calvície é um problema estético que vem incomodando o ser humano há muitos anos e, com o passar do tempo, muitos procedimentos e experimentações foram feitos para resolver ou minimizar essa situação. Dentro desse contexto, conhecer um pouco mais sobre a técnica de transplante capilar pode ser muito interessante.

Esse processo evoluiu muito nos últimos anos e, ao contrário do que ocorria antigamente, já é possível transplantar fios sem a necessidade de uma raspagem ou corte de cabelo. Você gostaria de aprender um pouco mais sobre esse tema? Então, não deixe de conferir o conteúdo a seguir.

Transplante FUE clássico

FUE é a sigla para Folicular Unit Extraction que, em português, quer dizer algo como Extração Única Folicular. Esse procedimento consiste na retirada de fios de cabelo de uma área do couro cabeludo. Essa região, que age como doadora, precisa ser insensível à alopecia androgenética, ou seja, não ter problemas de calvície.

Geralmente, a escolha é pela área da nuca ou das laterais superiores das orelhas. Uma vez retirados, esses enxertos devem ser armazenados sob refrigeração, em uma solução de soro fisiológico, até a realização do procedimento. Como os orifícios causados pelas retiradas são bastante pequenos, as cicatrizes puntiformes também são muito discretas.

Cabe ao médico especializado a realização de uma avaliação prévia minuciosa, haja vista que não são todas as pessoas que podem utilizar essa técnica. Há a necessidade de fazer um teste para analisar o tipo de cabelo e recomendar ou não o transplante capilar. Por ser uma cirurgia de pequeno porte, a dor e o edema são pequenos no pós-operatório.

Powered by Rock Convert

Transplante FUE robótico

O transplante FUE robótico é uma espécie de aprimoramento da técnica clássica, no qual um robô é utilizado para fazer a extração do cabelo com maior precisão do que as mãos humanas. Isso permite um melhor aproveitamento dos enxertos extraídos e também uma maior integridade desses fios.

Uma vez extraídos, o procedimento não muda muito, e o profissional precisa utilizar de muita destreza e experiência para preencher as centenas de folículos que serão inseridas na área a ser coberta no couro cabeludo do paciente. Naturalmente, pelo uso de alta tecnologia, essa técnica tende a ser mais dispendiosa.

Transplante FUT

O transplante FUT, também chamado de strip, consiste na retirada de uma faixa de couro cabeludo na região da nuca ou acima das orelhas. Feito isso, essa área é suturada pelo médico, o que possibilita que novos fios nasçam por cima da cicatriz. As faixas são separadas em unidades foliculares de 1 fio e famílias foliculares de 2 a 4 fios.

Não há necessidade de raspar os cabelos e esse procedimento pode ser realizado independentemente do comprimento do cabelo. Todos os folículos gerados pela tira são de uma área segura e isso quer dizer que não existe o risco de que caiam com o tempo. É uma técnica mais trabalhosa, mas que permite ver os resultados imediatamente.

Como podemos ver, existem várias técnicas eficientes de transplante capilar no mercado e, certamente, uma delas é a escolha perfeita para solucionar o seu problema! Ficou interessado? Então, não perca mais tempo e entre em contato com a nossa empresa!


Cirurgia Plástica em BH (Lipoaspiração, Mamoplastia, Silicone, Abdominoplastia, Rinoplastia, Lipo) Cirurgia Plástico em Belo Horizonte Minas Gerais