fbpx

Já ouviu falar em lipoaspiração tumescente? Descubra como funciona!

por Dr. Fernando Rodrigues |  27 de setembro de 2019
Já ouviu falar em lipoaspiração tumescente? Descubra como funciona!

Na área de atuação da medicina estética existem várias técnicas e procedimentos capazes de aumentar a autoestima e colocar um fim em problemas com a própria imagem. Nesse contexto, as cirurgias plásticas têm um papel de destaque.

A lipoaspiração, por exemplo, é um procedimento em que retira-se o excesso de gordura, a fim de definir o contorno corporal, sendo bastante procurada por mulheres e homens. Neste artigo explicaremos o que é a lipoaspiração tumescente, para quem ela é indicada e como funciona a cirurgia. Confira!

O que é e como é feita a lipoaspiração tumescente?

De forma geral, a técnica conhecida como lipoaspiração é usada para modelar os contornos corporais, o que pode ser alcançado com a retirada da camada de gordura que fica sobre os músculos.

Para tanto, o cirurgião plástico injeta na área a ser tratada uma solução composta de soro fisiológico e adrenalina, a fim de reduzir o sangramento. Após, é feita uma pequena incisão para que o médico consiga introduzir a cânula. Esse dispositivo está conectado a um aspirador cirúrgico, que tem como função sugar as células de gordura quando o especialista realiza movimentos de vai e vem.

Na lipoaspiração comum, normalmente é usada anestesia geral ou peridural. A diferença é que na técnica chamada de tumescente realiza-se o procedimento somente com anestesia local, o que diminui os riscos da cirurgia e proporciona uma melhor recuperação. Essa também pode ser uma opção para pessoas que não podem se submeter a outras anestesias. Atenção: Toda lipoaspiração deve ser feita em bloco cirúrgico, mesmo sem sedação.

Como o processo de retirada de gordura corpórea é limitado com a anestesia local, aconselha-se que quando houver mais de um lugar a ser trabalhado, o procedimento seja fracionado em pelo menos duas seções.

Powered by Rock Convert

Para realizar essa técnica, o cirurgião aplica na região a ser tratada uma mistura de lidocaína diluída com adrenalina, o que diminui muito a chance de sangramentos. A sedação pode ser usada caso o paciente esteja ansioso, dessa forma, o paciente poderá dormir e ficar mais confortável durante o procedimento.

Para quem a hidrolipo é indicada?

A lipoaspiração tumescente geralmente é indicada para pessoas que precisam ou desejam perder menor quantidade de sangue no procedimento, assim como as que preferem correr menos riscos. Dessa forma, a hidrolipo pode ser feita no rosto (papada), pescoço, braços, abdômen, cintura, coxas, nádegas e outras regiões.

É importante salientar que somente um profissional especialista poderá indicar e fazer a lipoaspiração tumescente. Nesse caso, deve-se procurar um cirurgião plástico. Além disso, todo o processo deve ser feito em ambiente hospitalar.

Quais são os cuidados no pós-operatório?

1. Repouso

É fundamental manter repouso nos primeiros dias após a cirurgia. Dependendo da quantidade de gordura retirada e áreas que foram tratadas, a recuperação pode durar de 3 a 20 dias.

2. Drenagem linfática

A drenagem linfática é um método útil para diminuir o inchaço após a cirurgia. É importante ter indicação médica para tal e encontrar um profissional de confiança para realizá-lo.

3. Cinta

Na maioria dos procedimentos o médico recomenda o uso de cinta compressiva, a fim de evitar acúmulo de líquidos e flacidez da pele. Deve-se usá-la conforme a recomendação do cirurgião.

E então, entendeu o que é a lipoaspiração tumescente? Se você tem alguma dúvida ou experiência sobre esse procedimento, não deixe de comentar abaixo!